Como funciona o cérebro humano? E como ele define comportamentos? O cérebro é capaz de processar informações gravadas durante uma vida toda com uma rapidez impressionante, superior a qualquer computador da atualidade. Essas informações podem não apenas trazer as memórias à tona, mas, conduzir o ser humano para novas ações.

Há cem anos, Santiago Ramón y Cajal, anatomista espanhol, declarou a respeito dos neurônios: “são as misteriosas borboletas da alma, cujo bater de asas poderá algum dia - quem sabe? - esclarecer os segredos da vida mental”. Cajal ganhou o prêmio Nobel de Medicina e o título de pai da Neurociência moderna.

A Neurociência é uma ciência interdisciplinar que agrega diversas áreas, muito além da biologia onde se originou. Principal foco é estudar o sistema nervoso, sua estrutura e desenvolvimento, relacionando-o ao comportamento humano. Temas como a complexidade das memórias, equilíbrio das emoções, capacidade de aprendizagem, linguagem, são abordados no seu estudo sistemático.

Cada vez mais cientistas, pesquisadores, psicólogos, psiquiatras, médicos e outros profissionais se dedicam a Neurociências, na tentativa de responder às interrogações e desvendar os mistérios do cérebro humano. Por isso, o Instituto da Família – FTSA preparou um curso de capacitação com o objetivo de integrar os pressupostos teóricos da Neurociências aos mais diversos relacionamentos vivenciados pelo indivíduo em seu dia a dia.

“É um curso extremamente relevante, pois, instiga aos terapeutas que tenham novos conhecimentos a respeito do cérebro, sua estrutura, desenvolvimento e sua relação com o comportamento e a mente, propiciando um entendimento mais claro do funcionamento cerebral e emocional de seus clientes”, explica a coordenadora do curso, psicóloga e mestre em educação, Karla Fernanda Suenson Sales.

O curso foi oferecido primeiramente aos ex-alunos Instituto da Família – FTSA, mas, para a segunda turma, que se inicia no segundo semestre de 2017, as vagas estão abertas a todos. ‘”Assim como nossos estudantes, que já receberam uma sólida formação em terapia de famílias e suas interfaces, os demais profissionais poderão integrar seus conhecimentos aos novos conceitos da Neurociências”, enfatiza a coordenadora.

Confira a data dos módulos de estudo, que contempla a presença de mestres e doutores do Paraná e São Paulo. Além do módulo internacional, já confirmado para abril de 2018, com Bill Struthers, Ph.D., Psicólogo, Docente do Wheaton College Graduate Scholl, que abordará sobre "o cérebro, os vícios e a pornografia".

28, 29 e 30 de setembro/2017
23, 24 e 25 de novembro/2017
22, 23 e 24 de fevereiro/2018
26, 27 e 28 de abril/2018
28, 29 e 30 de junho/2018

Para mais informações acesse o site do Instituto da Família – FTSA